Governo do DF apresenta Castra Móvel à população

Foto: Hmenon Oliveira
Foto: Hmenon Oliveira

Cadastramento prioriza donos de animais de baixa renda e atendidos por programas sociais do governo

Brasília – A Secretaria do Meio Ambiente e de Recursos Hídricos (Semarh) e o Instituto Brasília Ambiental (Ibram) apresentaram o Castra Móvel à população, neste domingo (23), como exemplo de uma política pública de bem-estar animal.  Esta ação também será disponibilizada no 1º Hospital Veterinário Público do DF, que se localizará em Taguatinga, dentro do Parque Lago do Cortado. A unidade hospitalar está em construção e será inaugurada ainda este ano.

A execução das atividades do Castra Móvel será terceirizada. Um edital definirá qual instituição fará o trabalho. O Ibram e Semarh serão os coordenadores da política pública, realizando o monitoramento e a supervisão das ações realizadas pela instituição selecionada.

Cadastramento

A prioridade atual é contabilizar a população de cães e gatos existentes nas regiões administrativas, principalmente próximas aos parques e unidades de conservação. O público prioritário do programa são pessoas de baixa renda e atendidos por programas sociais do governo. O cadastramento será feito em visitações às Regiões Administrativas. O cronograma com as cidades deverá ser divulgado até o fim desta semana.

O Castra Móvel é um trailer com 12 metros de comprimento, com estrutura interna composta de três salas, sendo uma sala com duas mesas cirúrgicas, uma sala de pré e pós-operatório e uma sala de recepção e atendimento. Além disso, a unidade móvel possui área acoplada, equipada com equipamento audiovisual para a realização de ações educativas.

Durante o último domingo (23), o cadastramento aconteceu em Taguatinga. Na ocasião, foram inscritos aproximadamente 400 donos de animais interessados na castração de seus cães e gatos. A próxima região administrativa a ser cadastrada será Samambaia, no próximo sábado (29), a partir das 9 horas.

(com informações da Agência Brasília)

Compartilhe!

Veja mais notícias

error: Conteúdo protegido.