13 de dezembro de 2017

Educação Ambiental: Dia Mundial da Água com música, desenho e atividades práticas

eco brasilia sustentabilidade df sustentavelAtividade inclui a construção de um terrário, músicas, vídeos, desenho e debates em sala de aula

O Dia Mundial da Água, celebrado em 22 de março, é mais um momento para se tratar do uso consciente de recursos naturais, especialmente no contexto da crise hídrica que toma boa parte do País.

Um dos conteúdos mais acessados por professores no Edukatu, rede gratuita e aberta de aprendizagem para consumo consciente promovida pelo Instituto Akatu, é o plano de aula “O ciclo da água”, que tem como objetivo estimular alunas e alunos a analisar este ciclo de forma prática e refletir sobre o consumo deste recurso tão precioso.

A atividade está relacionada às disciplinas de Ciências, História, Geografia e Artes, mas pode ser adaptada a qualquer disciplina ou, preferencialmente, reunir ações coordenadas entre mais de uma disciplina para que seja trabalhada de maneira transversal. Entre as habilidades requeridas estão: organizar e sistematizar informações, pesquisar, agir de forma consciente, formular questões e planejar. “A ideia, não só desta atividade, mas de tudo que desenvolvemos a partir do Edukatu, é que cada professor adapte os planos de aula à sua realidade. Temos muitas sugestões que incluem diferentes materiais e dão espaço para diversas questões dos alunos, que podem surgir durante estas aulas”, comenta Silvia Sá, gerente de educação do Instituto Akatu.

Foi o que fez o professor Jades Daniel Nogalha da C.E.F. (Centro de Ensino Fundamental) 418 de Santa Maria, no Distrito Federal. Formado em Estudos Sociais com habilitação em História e Geografia, o professor conta que esta foi uma atividade especial para seus estudantes, que têm 12 anos, em média. “A parte que mais gostaram foi a construção do terrário, também relacionada ao fim de um ciclo escolar. Pedi que os alunos construíssem o terrário como um projeto final do bimestre. Eles observaram o seu desenvolvimento por uma semana e todos tiveram a oportunidade de expor como foi o desafio de criá-lo. Para mim foi extremamente enriquecedor perceber que muitos entenderam bem o conceito e alguns, mesmo já passado um ano, ainda o conservam com carinho”, relata Jades.

O plano de aula pode ser utilizado para o Ensino Fundamental I e II. No mesmo material são dadas sugestões de como usá-lo em cada turma. Para o Ensino Fundamental II, por exemplo, a sugestão é que, ao fim da atividade, questões como “Como são formados os lençóis freáticos e como ocorre sua poluição?” e ainda “Como diminuir o consumo da água?” sejam discutidas.

A possibilidade de adaptação também é comentada pela professora Ana Carla Dávilla, da Escola Municipal Nossa Senhora dos Anjos, de Salvador (BA): “Os alunos já se preocupam com os bebedouros, pois também temos feito atividades para que cuidem que não fiquem vazando. Realizamos filas para beber água e um observa o outro para ver quem deixa vazando. Em algumas atividades dos desafios [do Edukatu] houve intervenção de alunos propondo formas diferentes de realizar que empolgavam mais”.

A flexibilidade comentada por Ana Carla, entre as atividades propostas e as novas ideias que surgem durante a realização do percurso, é uma das características do Edukatu e é tendência no uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICS). “Este é um dos diferenciais do Edukatu: unir educação para sustentabilidade e consumo consciente com uma abordagem pedagógica lúdica e o uso de TICS dentro das escolas”, afirma Silvia Sá, gerente de educação do Instituto Akatu.

Acesse o plano de aula “O ciclo da água” em: http://bit.ly/ciclo-da-agua

Compartilhe!

Veja mais notícias

error: Conteúdo protegido.