Entidades civis serão selecionadas para comitê de valorização do Cerrado

Cerrado no Jardim Botânico de Brasília. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília – 20.7.2016
Cerrado no Jardim Botânico de Brasília. Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília – 20.7.2016

Colegiado coordenará a criação de reserva da biosfera do bioma no DF. Inscrições devem ser feitas pelo site da Secretaria do Meio Ambiente até 20 de outubro

Associações, organizações não governamentais (ONGs), empresas e entidades ligadas ao setor ambiental poderão fazer parte do Comitê Distrital da Reserva da Biosfera do Cerrado no DF, grupo de fomento às políticas de desenvolvimento sustentável para o bioma. Interessados terão até 20 de outubro para preencher formulário de inscrição, disponível no edital, e enviá-lo com todos os documentos exigidos para o e-mail rbc.comitedistrital@gmail.com, da Secretaria do Meio Ambiente. A previsão, de acordo com as regras da seleção, é que os selecionados sejam conhecidos até 21 de novembro.

O colegiado, instituído por decreto assinado pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, coordenará e apoiará a implementação da reserva no território. De acordo com o texto publicado no Diário Oficial do Distrito Federal de 12 de setembro, o grupo será composto por 28 membros — 14 representantes do poder público e 14 da sociedade civil. O mandato será de dois anos, permitida a recondução ao cargo.

O comitê terá a função de elaborar planos, metas, prioridades e temáticas de atuação conforme as necessidades do Cerrado. “É uma instância para avaliar as potencialidades do patrimônio sociocultural e ambiental, criar oportunidades em áreas como turismo, agroecologia, além de fomentar pesquisas científicas”, explica a assessora especial do gabinete da Secretaria do Meio Ambiente Helena Maltez.

De acordo com ela, o caráter participativo e democrático da seleção é uma oportunidade para os setores envolvidos. “Queremos que todos sejam representados: produtores rurais, empresas, ambientalistas”, destaca Helena. Depois da escolha dos membros, o grupo passará a ter autogestão, e os integrantes da secretaria executiva serão eleitos de forma rotativa.

o_que_e_reserva_da_biosfera_agencia_brasilia-768x1021

O Distrito Federal será a primeira entre as demais unidades da Federação que compõem a Reserva da Biosfera do Cerrado (Goiás, Maranhão, Piauí e Tocantins) a formar o comitê local. “Somos pequenos, mas nossa importância política transpassa o território. Queremos ser exemplo para as outras unidades federativas”, destaca a assessora especial.

No DF, o modelo (reserva da biosfera) existe desde 1993, mas nada havia sido feito desde 2009. Segundo Helena, o contexto atual e a preocupação da gestão em políticas sustentáveis foram essenciais para reativá-lo. “Precisamos valorizar o selo de reserva da biosfera em nossas unidades de conservação. Elas vão além da proteção, são locais nos quais há possibilidade de harmonização entre as ações humanas e a natureza.

(por Gabriela Moll / Agência Brasília)

Compartilhe!

Veja mais notícias

error: Conteúdo protegido.