Anunciados os vencedores do Foto Cerrado 2016: veja as fotografias premiadas

Anunciados os vencedores do Foto Cerrado 2016: veja as fotografias premiadas

Fotógrafo brasiliense foi o grande destaque da segunda edição do concurso nacional

Foram divulgados ontem, 11 de dezembro, Dia do Engenheiro, os resultados do concurso cultural Foto Cerrado® 2016. A segunda edição do prêmio nacional promovido pelo Portal ECO Brasília em parceria com o Sindicato dos Engenheiros no Distrito Federal recebeu 460 inscrições de dez Estados brasileiros e do Distrito Federal. Das 159 fotos que chegaram à etapa semifinal, foram escolhidos os finalistas e vencedores, assim como as menções honrosas destacadas pelo júri em razão da qualidade.

“Tamanduá bandeira em cupinzeiro com bioluminescência terrestre”, de Márcio Antonio Esteves Cabral (Brasília/DF), registrada no Parque Nacional das Emas, Chapadão do Céu/GO, recebeu o prêmio destaque na categoria Fauna do Cerrado

O geógrafo e fotógrafo brasiliense Márcio Cabral foi o grande vencedor da competição. Ele levou o Prêmio Destaque Categoria Fauna, com a foto “Tamanduá Bandeira em cupinzeiro com bioluminescência terrestre”; o Prêmio Destaque Categoria Paisagem, com a foto “Árvore do Cerrado condenada pela desertificação natural”; e o Grande Prêmio Foto Cerrado 2016, com a foto “Campo de paepalanthus florido no pôr do sol”. (foto no topo da página)

“Árvore do Cerrado condenada pela desertificação natural”, foto feita em Baixa Grande, Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses/MA, por Márcio Antonio Esteves Cabral (Brasília/DF), foi destaque na categoria Paisagem do Cerrado

O Prêmio Destaque Categoria Flora foi para “A pequena flor do cerrado Cambessedesia hilariana”, macrofotografia do biólogo e fotógrafo Hélio Soares Júnior, de Campinas (SP), que repetiu o bom desempenho obtido na primeira edição do concurso, quando recebeu o prêmio máximo com a foto “Sol sempre vivo”.

“A pequena flor do Cerrado Cambessedesia hilariana”, de Hélio Soares Júnior (Campinas/SP) foi o destaque na categoria Flora do Cerrado

O Prêmio Destaque Engenheiros ficou com a foto “Pequena perereca de cor cinza e preta, mimetizada junto às folhas secas da serapilheira”, do engenheiro florestal e doutor em Ecologia e Recursos Naturais Sidney Fernando Caldeira, de Cuiabá (MT).

“Pequena perereca de cor cinza e preta, mimetizada junto às folhas secas da serapilheira”, do engenheiro florestal Sidney Fernando Caldeira (Cuiabá/MT), recebeu o Prêmio Foto Cerrado 2016 Engenheiros

Os vencedores receberão prêmios como smartphone, tablets e câmera fotográfica. As duas fotos mais compartilhadas nas redes sociais receberão reproduções fotográficas em grande formato.

Celebrar e refletir

“O mais importante do Foto Cerrado não é a competição em si ou os prêmios, mas o compartilhamento das belezas, o registro e a celebração da riqueza de biodiversidade. E, não menos importante, o convite à reflexão sobre os desafios de preservação e de desenvolvimento sustentável do bioma”, afirma Andrés Gianni, editor do portal ECO Brasília e idealizador do concurso. “E a fotografia consegue expressar e registrar tudo isso: a maneira como percebemos e interagimos com o ambiente, a nossa visão de futuro, as nossas escolhas”, completa.

Para o presidente do Sindicato dos Engenheiros no Distrito Federal (Senge-DF), Brasil Américo Louly Campos, o aumento da participação de engenheiros nesta edição foi uma grata surpresa. “Os engenheiros e engenheiras atuam diretamente no dia a dia para resolver problemas socioambientais. Então é muito bom ver cada vez mais colegas mostrando seu olhar crítico e artístico sobre esse grande e importante bioma brasileiro, lar de mais de 20 milhões de brasileiros, onde se concentram 5% da flora e da fauna mundiais”, diz Campos. 

Prêmios para o Cerrado

Márcio Cabral: belezas do Cerrado reconhecidas no mundo (Foto: Marcio Dufranc)

O grande premiado do Foto Cerrado 2016, Márcio Cabral, 41 anos, é especialista em paisagens, fotos panorâmicas, 360º e subaquáticas. Ele fotografa há cerca de 18 anos e já venceu dezenas de concursos nacionais e internacionais. Em 2016, entre outras conquistas, foi o vencedor absoluto do concurso Memorial Félix, na Espanha, e do Nature Talks, na Holanda. Em fevereiro, entrou para o Livro dos Recordes (Guinness World Records), por ter feito a maior foto panorâmica subaquática (220.5 megapixels). A imagem foi registrada na nascente do Rio Sucuri, em Bonito (MS).

A foto que recebeu o grande prêmio Foto Cerrado 2016, “Campo de paepalanthus florido no pôr do sol” foi registrada por ele na Chapada dos Veadeiros, em Alto Paraíso de Goiás. Popularmente chamada de chuveirinho, a flor silvestre é tema do fotógrafo há mais de 15 anos. “Coincidentemente, essa planta foi a que mais me trouxe prêmios, desde o tempo do concurso BBA de Fotografias. Com o passar do tempo, fui evoluindo no tema. Fui descobrindo, por exemplo, que no contraluz ela tem um efeito muito melhor”, diz Cabral, que passa cerca de quatro meses por ano viajando para fotografar.

O fotógrafo acredita que o reconhecimento obtido nos concursos também ajuda a divulgar e valorizar o Cerrado, inclusive internacionalmente. “O pessoal lá fora está valorizando muito o Cerrado”, diz. “E a gente também tem que valorizar as coisas que estão aqui”, acrescenta.

Sobre o ótimo desempenho no Foto Cerrado 2016, ele comenta: “Eu me sinto honrado em ter ganhado um concurso sobre o bioma em que eu trabalho há muito tempo”, diz Cabral, que pretende lançar um livro com registros feitos nas principais unidades de conservação do Cerrado.

Confira todos os classificados do Foto Cerrado 2016

(da Redação / ECO Brasília)

Atenção: Direitos das imagens protegidos e reservados para seus autores.

 

 

 

Compartilhe!

Veja mais notícias

error: Conteúdo protegido.